Espaços culturais alternativos da Fundação Cultural de Curitiba

A programação dos espaços alternativos acontece durante e nos finais de semana, tendo apresentações de manhã à noite para todos aproveitarem

 

O Teatro do Piá recebe pais e crianças para assistir às peças todo domingo (Crédito: Kevin Capobianco)

 

Aqui em Curitiba sempre acontecem muitas apresentações em teatros como Paiol, Positivo, Guaíra, mas estes não são os únicos na cidade. A Fundação Cultural de Curitiba (FCC) coordena teatros alternativos com entradas gratuitas, que são distribuídas cerca de uma hora antes do início das apresentações. 

 

São cerca de 10 locais onde acontecem apresentações de teatro, dança e música, promovendo a cultura com festivais, cursos, oficinas, palestras e muito mais. Os locais podem ser utilizados através de uma solicitação pela página da FCC, que analisa o pedido e libera o uso. Alguns dos locais têm programação fixa no domingo, como o Teatro do Piá, onde a Companhia Bicho Carpinteiro de Marionetes apresenta peças que ficam em cartaz por um mês, com apresentações sempre às 11h.

 

O Teatro Universitário de Curitiba (TUC) apresenta todos os domingos, às 14h, "A Canja de Viola", que dá a oportunidade, há 32 anos, para músicos fazerem apresentações gratuitas para o público, totalizando aproximadamente 4h de apresentações. Os ingressos podem ser adquiridos a partir de uma hora antes do evento e a inscrição para apresentação é por ordem de chegada. 

 

 

 

Além disso, o Teatro Londrina e a Praça Iguaçu, que ficam no Memorial de Curitiba, recebem apresentações, companhias de teatro e dança e orquestras. Já o Teatro de Bonecos Dr. Botica, localizado no Shopping Estação, tem ingressos com valores variados, a depender do espetáculo. 

 

O Circo da Cidade Zé Priguiça 

O Circo da Cidade Zé valoriza a cultura local há mais de 30 anos através das artes circenses, com apresentações que contam com palhaços, equilibristas, trapezistas e muito mais. O circo realiza espetáculos que percorrem os bairros de Curitiba, mas mantém prioridade no atendimento de periferias. 

 

O nome do circo era apenas Circo da Cidade até 2009. Em 2008, o circo recebeu novos equipamentos e uma nova lona colorida. A proposta é que, com oficinas e cursos gratuitos, o circo possa revelar novos talentos, afastando crianças e jovens das ruas e promovendo manifestações artísticas. 

 

O Circo Zé Priguiça funciona no Jardim paranaense, no Alto Boqueirão (Rua Benedicto Siqueira Branco, sem número). O circo funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h, com intervalo de 1h30 de intervalo e, nos sábados, conforme a grade de apresentações.

 

 

 

Please reload

Aumento de ataques cibernéticos alertam para a necessidade de se ter cuidados com a proteção

24.06.2020

Atividades culturais na internet ajudam a enfrentar a quarentena

19.05.2020

Em tempos de isolamento, a solidariedade está em pequenos gestos

12.05.2020

1/3
Please reload

  • White YouTube Icon
  • White Facebook Icon
Revista online produzida pelos alunos do curso de Jornalismo
Siga a EntreVerbos
  • fb icon 2
  • yt icon 2
Revista digital produzida pelos alunos do curso de Jornalismo 
 

Centro Universitário Internacional| UNINTER |

Rua Saldanha Marinho, 131 – Centro | Curitiba-PR |

revistaentreverbos@gmail.com

Siga a Entreverbos

 Site projetado por Agência Experimental Grafita
Colaboração de layout por Guilherme Dias