Calendário deste ano tem recorde de feriados

Ao todo serão 36 dias de folga e apenas os meses de junho, julho e agosto não terão feriados

  O setor turístico é um dos que mais se beneficiam nos feriados (Crédito: Pixabay)

 

A rotina de muitos brasileiros é estressante e cansativa, mas o trabalhador se empolga ao saber que em algumas épocas do ano terá a oportunidade de descansar, viajar ou passear pela cidade, isso, graças aos feriados. O ano de 2018 tem diversos feriados, e melhor, quatro deles são prolongados. Apenas os meses de junho, julho e agosto não  terão feriados.

 

O grande número de feriados pode influenciar, ainda, de maneira negativa, o comércio e a indústria. Estimativas da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo (FecomercioSP) apontam que, em 2018, o varejo deve perder R$ 11,3 bilhões. Ainda que seguimentos como siderúrgicas e petrolíferas não paralisem suas atividades nos feriados, o custo adicional com encargos e mão de obra nessas datas geram prejuízos.

 

Em entrevista à EntreVerbos, Gláucio José Geara, presidente da Associação de Comercial do Paraná (ACP), manifestou a preocupação da classe produtiva com o número elevado de feriados em Curitiba. Serão 12 no total, com vários finais de semana emendados, os famosos “feriadões”. A somatória dessas folgas dará um total de 36 dias de paralisação do sistema produtivo, o que pode ser considerado um recorde. "Portanto, o número excessivo de feriadões é um péssimo exemplo para toda a comunidade econômica”, finalizou o presidente.

 

Outra preocupação dos comerciantes é a Copa do Mundo deste ano, na Rússia. “Quando os jogos acontecerem em horário de trabalho, a tradição brasileira diz que haverá paralisações, mesmo que parciais, devido ao grande interesse que a competição desperta na população, sobretudo nos jogos da seleção brasileira”, concluiu Geara.

 

Lista de feriados de 2018  (Crédito: Larissa Oliveira)

 

Os "dois lados" da moeda

A empresária Gisellia Auer tem um comércio há mais de 12 anos, no centro de Curitiba. Ela declarou que não abre a loja durante essas paralisações. “Curitiba fica vazia, as pessoas aproveitam para ir ao litoral passear. Não adianta eu abrir minha loja se não tenho clientes”, afirma Auer. De acordo com a comerciante, seu faturamento não chega a variar tanto assim, mesmo com feriados. 

 

Porém, há quem se beneficie nessas datas. O setor de turismo, por exemplo, lucra com pacotes de viagem e hospedagem. Várias pessoas se organizam e se programam, reservando vagas em hotéis antecipadamente. Locais como bares e restaurantes acabam tendo um fluxo maior de clientes nessas épocas, assim como os shoppings. Para Jonathan Fujita, que tem um bar em Matinhos (PR), os feriados são um atrativo, mas não depende apenas disso. O clima também é um fator determinante no faturamento.

 

Turismo paranaense

O litoral paranaense é o berço de colonização do estado. Repleto de alternativas turísticas, o Paraná tem caminhos históricos e cheios de encanto, como a Serra da Graciosa, Morretes e Paranaguá. Estas cidades se destacam no setor turístico pelos belos cenários (casas antigas e conservadas), eventos e hospitalidade, como é o caso de Antonina

 

As praias são um atrativos à parte. Os destinos mais conhecidos são os balneários de Matinhos e Guaratuba. Pontal do Paraná se destacou nos últimos anos como uma das melhores cidades para visitação. O litoral paranaense também tem a porção mais preservada de Mata Atlântica do Brasil. E não podemos esquecer a Ilha do Mel que é um ótimo lugar para pessoas que gostam de ter contato com a natureza. 


 

 

 

 

Please reload

Pibid: programa educacional valoriza a formação de docentes

02.12.2019

Escola de Karatê em São Miguel do Iguaçu nasce na persistência e dedicação

25.11.2019

Jovens LGBT enfrentam preconceito dentro de casa

18.11.2019

1/3
Please reload

  • White YouTube Icon
  • White Facebook Icon

Siga a Entreverbos

Revista online produzida pelos alunos do curso de Jornalismo

Centro Universitário Internacional| UNINTER |

Rua Saldanha Marinho, 131 – Centro | Curitiba-PR |

revistaentreverbos@gmail.com

 Site projetado por Agência Experimental Grafita
Colaboração de layout por Guilherme Dias
Siga a EntreVerbos
  • fb icon 2
  • yt icon 2
Revista digital produzida pelos alunos do curso de Jornalismo