• Milene Batisti Fernandes

Vida saudável todo dia

Não há desculpas quando entra em jogo o mais importante: sua saúde.


Alimentação saudável e uma rotina adequada de exercícios ajudam a emagrecer. Créditos: Pixabay.


Dietas mirabolantes que podem emagrecer em um passe de mágica, são recursos a curto prazo. A questão do emagrecimento e da qualidade de vida é bastante atual, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) a obesidade é um dos problemas mais graves que teremos nos próximos anos. A estimativa dada para 2025 é que 2 bilhões de adultos no mundo vão estar com sobrepeso, com Índice de Massa Corporal (IMC) de 30. No Brasil, a obesidade aumentou 67,8% na última década. Você pode calcular seu IMC clicando aqui.


O professor de educação física Richard Saldanha explica a maneira certa de fazer exercícios. “Quem quer ter uma qualidade melhor de vida começa por uma alimentação saudável e atividade física, começando a perder peso e se sentir bem. A atividade inicial deve ser aeróbica, pois ajuda a perder peso de forma rápida e segura, é necessário um acompanhamento profissional de educação física para fazer um programa de exercício, pois não adianta querer sair correndo na rua e acabar lesionado.”


A jornalista Patrícia Cavallari, que seguiu todos os conselhos da sua nutricionista e seu personal trainer, emagreceu 27kg e inspira mulheres. Segundo Patrícia, “em consulta médica em agosto de 2019, descobri que estava com sobrepeso aproximados dos 100 kg e gordura no fígado que fazia mal à minha saúde. Motivo pelo qual deveria perder peso e isso estava causando transtorno em minha vida. Porque quando estamos emocionalmente insatisfeitos com nós mesmos, afeta psicologicamente. Procurei uma nutricionista focada em reeducação alimentar que me apresentou um personal trainer focado em tirar as pessoas do sedentarismo. Então, 1 mês depois, comecei a pôr em prática tudo o que me ensinaram e nisso se foram 27kg. E como alterar costumes que temos há anos? A grande sacada foi quando você entende seu objetivo, conhecendo seu mais profundo eu interior, porque entender as diversas mudanças físicas e emagrecer, empodera de um jeito que me tornei auto confiante em tudo na minha vida. Acordar às seis horas da manhã para exercitar é louvável, isso demonstra superar a si mesmo sempre. Aí entro na importância da mulher se priorizar na sua saúde, se cuidar fisicamente e mentalmente, porque quando viramos mães os filhos são prioridades absolutas e nos deixamos de lado como mulher.”



Patrícia Cavallari, mãe e jornalista que perdeu 27kg. Crédito: Patrícia Cavallari.


Mudar os hábitos alimentares é fácil?


A nutróloga Dayana Ramos conta que a mudança de hábitos não deve ser repentina, adaptar aos poucos perceberá os benefícios. “Comece a evitar os alimentos industrializados, menos desembale e mais descasque. Se você tem resistência à mudança, é preciso um processo mais adaptativo. Uma sugestão é reduzir a quantidade de coisas que você gosta de comer todos os dias. Com o tempo já dá para ver a melhora, trazendo equilíbrio metabólico como um todo. Assim, o organismo responde bem com uma pele linda, o intestino funcionando perfeitamente, temos disposição, ou seja, tudo funciona bem quando comemos bem. As pesquisas científicas nunca dão resultados tão radicais. O problema é a interpretação que é feita dos resultados e a procura do sensacionalismo.”